Quantcast
Channel: CARAS
Viewing all articles
Browse latest Browse all 3622

Criticada, Jennifer Lopez se desculpa por cantar no aniversário de presidente ditador

0
0

Jennifer Lopez se envolveu em uma polêmica neste final de semana e foi obrigada a pedir desculpas publicamente. A cantora se apresentou na festa de aniversário do presidente do Turquemenistão, Gurbanguly Berdymukhamedov, no sábado, 29, e até cantou parabéns para ele. O problema, é que o político é acusado de ser um ditador em seu país, que comete, inclusive, crimes de torturas.

+ Jennifer Lopez ganha estrela na Calçada da Fama e o carinho dos filhos gêmeos

Segundo o jornal Daily Mail, J.Lo foi duramente criticada pela Fundação dos Direitos Humanos, uma organização não-governamental que divulgou nota oficial sobre o ocorrido. "Lopez, obviamente, tem o direito de ganhar a vida se apresentado para o ditador que escolher e seu círculo de amigos, mas suas ações destroem a mensagem que ela cultivou ao se envolver com a anistia internacional no México para ajudar a diminuir a violência contra a mulher", disse a ONG.

O evento foi patrocinado pela China National Petroleum Corp - um grande investidor na indústria de gás em expansão do Turquemenistão - para comemorar o aniversário de 56 anos do presidente. 

A cantora divulgou um comunicado após o show pedindo desculpas e dizendo que ela nunca teria feito o show se soubesse da situação do país. De acordo com a nota, a canção de  parabéns foi um pedido de última hora feito pela empresa contratante.

Veja o vídeo da apresentação de Jennifer Lopez:


Viewing all articles
Browse latest Browse all 3622